Posicionamento da Omunga em relação ao Comunicado do BP do MPLA

Posicionamento da Omunga em relação ao Comunicado do BP do MPLA

 O musculado comunicado de imprensa do Bureau Político do MPLA continua a agitar o país.

 
Volta a sombra da ameaça à sociedade civil? – Eis a inevitável interrogação de várias organizações cívicas independentes.
 
Esclarecimentos que se impõem estão a ser solicitados. A ONG OMUNGA instou a Procuradoria-geral da República a exigir esta postura do MPLA.
 
Segundo a ONG cívica, o pronunciamento do partido que suporta o Governo “intoxica de suspeições o clima psicológico geral de paz e reconciliação no país”.
 
“Acusações como as expressas no comunicado aqui referido, apenas transviam o referido processo e deixam no ar um clima de ameaça e de medo” – refere a organização.
 
Sugere ao maioritário a socorrer-se do sistema jurídico” sempre que se sentir lesado por cidadãos, associação e instituições nacionais e estrangeiras.
 
“A construção da nação é um trabalho e responsabilidade de todos” – lembra a OMUNGA, em comunicado dirigido a vários órgãos de soberania do país.
 
O mesmo pedido foi encaminhado aos relatores especiais das Nações Unidas para os defensores dos direitos humanos e para a liberdade de opinião e expressão, “para acompanhar o evoluir da situação em Angola sobre a matéria”. 
 
 
Fonte: Omunga 

 

Tópicos relacionados:  


 

Comentario

O MPLA ESTÁ DEMAIS

DOMINGOS | 11-09-2010

POR FAVOR, TOMEM NOTA E INVESTIGUEM, PROCUREI TODAS FORMAS DE VOS CONTACTAR E DESCOBRI APOUCO TEMPO, A MINHA PREOCUPAÇÃO É O QUE O MPLA ESTÁ A FAZER AQUI NO HUAMBO Q NÃO SEI SE É JUSTO: ELES ESTÃO A PASSAR DE CASA EM CASA DE FORMA ASSUSTADORA PEDINDO OS CARTOES ELEITORAIS E DEPOIS DEVOLVEM E ESTÃO A EXTRAIR O NÚMERO E A BRIGADA ONDE O CIDADÃO REGISTOU-SE, ALEGANDO O CONTROLE DOS MEMBROS DO PARTIDO.

OS MELHORES CUMPRIMENTOS.

A verdade sempre caminha sozinha.

Cabuço | 11-09-2010

Bem aprendi umas coisas muito bonitas na vida:
1. Saber as razões dos problemas a fundo.
2. solucciona-los a partir da sua raíz.
3. Admitir que estou errado.
4. Reconhecer o erro do outro mais tambem reconhecer o que o outro fez de bom e positivo, independentemente das divergencias existentes.

Sera que em Angola estamos todos capazes disto ou andamos todos a lutar por um lugar na historia?
Reflictam......

Novo comentário

Reflexão da semana

2011 o ano pré-eleitoral em Angola - Carlos Lopes

O ano de 2011, tem a particularidade de dar-nos uma capicua (11-11-11), ou seja, na comemoração de mais um aniversário da independência de Angola.   O cidadão Angolano residente na capital e que vive no limiar da pobreza, vai continuar a ser deslocado para a periferia, onde estão os novos guetos criados pelo Executivo, enquanto assiste ao erguer de grandes...
<< 1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

 

www.a-patria.com      O portal de noticias de Angola

 

 

Clique no botão Play para tocar o Ipod!

As músicas tocarão automaticamente!



 

Publicite no nosso Site!